Estatuto Social

Papa doa a FAO 25 mil euros para sementes

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

para um programa que fornece sementes às famílias rurais da África oriental

(ZENIT -Roma, Abr. 2017).- O Papa Francisco fez uma doação simbólica de 25 mil euros à FAO, a agência da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Alimentação e a Agricultura, para um programa que fornece sementes às famílias rurais da África oriental.

O observador permanente da Santa Sede nos entes das Nações Unidas em Roma, o sacerdote espanhol Fernando Chica Arellano, indicou na carta enviada ao diretor geral da FAO, o brasileiroJosé Graziano da Silva, que o gesto do Santo Padre vem da promessa que fez durante a mensagem que enviou à FAO, em 3 julho passado.

“Uma contribuição simbólica para um programa da FAO que fornece sementes às famílias rurais em áreas afetadas pelos efeitos combinados de conflitos e secas”, escreveu.

A notícia da doação foi divulgada pela Agência da ONU e a define como um “gesto sem precedentes”. A FAO recorda que na África oriental pelo menos 22 milhões de pessoas não têm o suficiente para se alimentar.

“ma grave situação se registra no Sudão do Sul, onde ainda existem seis milhões de pessoas que todos os dias lutam para obter alimentos. Em outros cinco países – Somália, Etiópia, Quênia, Tanzânia e Uganda –, cerca de 16 milhões de moradores necessitam de assistência humanitária. Desde o fim de 2016, houve um incremento de cerca 30% no número de pessoas que precisam de ajuda.

O Papa Francisco visitará novamente a sede da FAO em 16 de outubro próximo, por ocasião do Dia Mundial da Alimentação, que este ano tem por tema “Mudar o futuro da migração. Investir na segurança alimentar e no desenvolvimento rural”.

Fonte: ZENIT