Estatuto Social

Conferência Episcopal Italiana: 10 milhões de reais pra apoiar projetos na América Latina

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Cidade do Vaticano (RV) – Mais de 60 milhões de reais serão destinados para desenvolver 119 projetos em países do Terceiro Mundo, quase 10 milhões para financiar 34 projetos na América Latina. As cifras foram divulgadas no final de janeiro pelo comitê da Conferência Episcopal Italiana para intervenções de caridade.

Na Guatemala, por exemplo, a verba vai ser destinada para realizar uma série de encontros entre as lideranças do setor agrícola e para a formação dos mesmos, além de intercâmbios de experiências que reforcem as atividades desse segmento e da segurança alimentar da paróquia de Nossa Senhora de Guadalupe.

Entre os projetos mais interessantes em outros países, em Gana, os recursos serão investidos na instalação de uma unidade médica especializada em ortopedia e fisioterapia dentro do Centro Papa João Paulo II da diocese de Konongo-Mampong. A clínica “é particularmente importante seja pela grande densidade da população e dos mais necessitados, seja para enfrentar com agilidade os tantos acidentes que acontecem na cidade próxima de Jamasi, onde tem uma estrada com muito tráfego que liga a região de Ashanti à região norte do país”, como cita a Agência SIR.

Na República Centro-Africana, com a verba será construído um centro de cuidado psicossocial e de higiene mental na diocese de Bangui para ajudar as crianças que sofreram traumas psicológicos durante o conflito no país. Trata-se da primeira estrutura desse tipo na República Centro-Africana.

Já no Congo, através da Associação Tumaini com 10 anos de atividades em Goma, local de conflitos que causaram milhares de mortes, o projeto é dirigido à promoção social de viúvas com filhos menores. O centro irá oferecer atividades de formação de base, como alfabetização e informática; laboratórios profissionais, como corte e costura, cozinha e mecânica, para melhorar as condições de vida das famílias com a aquisição de competências de atividades que gerem renda.

Dois outros projetos também são representativos: um no Curdistão, para apoiar as populações mais afastadas e aquelas residentes em Erbil, na província de Kirkuk e na cidade de Al Kosh; e outro em Papua Nova Guiné para a construção de novos edifícios que irão ampliar o Centro Profissional de Kefano. (SIR/AC)

Fonte: Rádio Vaticano