Estatuto Social

"A Lavanderia do Papa Francisco"

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Cidade do Vaticano (RV) – Começa a funcionar segunda-feira, 10 de abril, a “Lavanderia do Papa Francisco”: um serviço oferecido gratuitamente às pessoas pobres, especialmente moradores de rua, para que possam lavar, enxugar e passar suas roupas e lençóis.

A iniciativa surgiu a partir do convite do Papa para concretizara experiência de graça do Ano Jubilar da Misericórdia. “Querer estar perto de Cristo exige fazer-se próximo dos irmãos, porque nada é mais agradável ao Pai do que um sinal concreto de misericórdia. Por sua própria natureza, a misericórdia torna-se visível e palpável numa ação concreta e dinâmica” (n. 16), portanto, “é hora de dar espaço à imaginação a propósito da misericórdia para dar vida a muitas obras novas, fruto da graça”. (n. 18).

A Lavanderia é a resposta da Esmolaria Apostólica ao convite do Papa: uma forma concreta de caridade, para restituir dignidade a estes nossos irmãos e irmãs. Situada na sede do “Centro Gentes de Paz” da Comunidade de Santo Egídio, e administrada por estes voluntários, a estrutura possui seis máquinas de lavar e de secar, com seis ferros de última geração; doação da multinacional Whirlpool.

O “Centro” já oferece, há mais de dez anos, acolhimento e assistência aos pobres e nos próximos meses terá ainda duchas, barbeiro, armários, ambulatório médico e distribuição de bens de primeira necessidade.

Outra multinacional, Procter & Gamble, coordena o projeto. Há tempos, doa lâminas de barbear e espuma de barba para a ‘barbearia dos pobres’ nas Colunas de São Pedro e a partir de agora, garante também o fornecimento completo e gratuito de sabão para as máquinas de lavar. 

(CM)

Fonte: Rádio Vaticano