Estatuto Social

Com Francisco, Dia Mundial dedicado à Arte do descarte e dos descartados

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Roma (RV) - “Fazemos votos de instituir com o Papa Francisco um Dia mundial dedicado à Arte do descarte e dos descartados.”

É o que expressam Jean-Marie Gervais e Mario Tarroni, respectivamente, o presidente e o diretor artístico da associação “Tota Pulchra” (Toda Bela), em resposta ao apelo que o Santo Padre dirigiu no início deste mês de agosto aos artistas “a fim de que, mediante as obras de seu talento, ajudem todos a descobrir a beleza da criação”.

Justamente porque “Tota Pulchra” “nasceu em maio de 2016, com uma grande propensão a colher as potencialidades sociais da arte”, nasceu o projeto sobre a arte e os mais pobres “Coloremos São Pedro”, baseado num segundo Renascimento, com novas formas, novas linguagens e um novo modo de entender o belo, inclusive mediante a arte dos descartados”, lê-se numa nota.

“Tota Pulchra”, primeira associação a responder ao apelo do Papa Francisco, “quer dar espaço aos artistas, especialmente jovens e/ou indigentes, ajudando-os a expressar a própria arte, organizando e promovendo eventos (exposições, festas, exibições, concursos), também junto a outras entidades e associações”, prossegue a nota.

A ideia do “Dia mundial dedicado à Arte do descarte e dos descartados” nasceu para dar vida a “um segundo Renascimento que não descarte nada, mas que assuma as capacidades de colocar a humanidade num diálogo aberto e espontâneo entre passado e presente, criando uma nova forma de belo projetada rumo a um futuro de liberdade expressiva que pertence a todos”. (RL/Sir)

Fonte: Rádio Vaticano.