Estatuto Social

Dia da Paz: “Trump de um lado, nós do outro”, sugere entidade italiana

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Roma (RV) – Em véspera de Dia Internacional da Paz, instituído pela ONU como uma data de cessar-fogo e de não violência no mundo, uma entidade italiana lança “um novo apelo pelo empenho de cada um contra a submissão, a indiferença e a hipocrisia”.

A “Tavola della Pace” reúne centenas de associações, organismos leigos e religiosos para promover a paz, os direitos humanos e a solidariedade.

Para este 21 de setembro a entidade enfatiza que, “perante àquilo que está acontecendo no mundo, não servem mais apenas as denúncias, mas uma nova e ampla postura de responsabilidade”. Num período marcado por tanto horror e pelo arbítrio do mais fortes, enfatiza o apelo, “devemos pegar novamente a bússola dos direitos humanos nas mãos e reafirmar com força aquilo que está escrito na Carta Comum da Humanidade: todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e direitos e devem agir uns pelos outros com espírito de irmandade”.

Com esse espírito, o coordenador da Tavola della Pace, Flavio Lotti, convida todos a assinar o apelo intitulado “Em espírito de irmandade” e a aderir ao Comitê Nacional para o 70° aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos. “O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, quer nos conduzir pra guerra. Nós vamos pelo lado contrário”, afirmou Lotti, acrescentando que a ideia é promover uma grande ação de educação, formação, informação e empenho em favor da paz e dos direitos humanos até 10 de dezembro de 2018.

Para a adesão ao projeto estão sendo convidadas associações, escolas, universidades, a mídia e as organizações leigas e religiosas. Basta entrar no site www.perlapace.it e assinar o apelo pela paz. (AC)

Fonte: Rádio Vaticano