Estatuto Social

A solidariedade do mundo ao México em mais um momento de provação

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Cidade do México (RV) – Mensagens de condolências do mundo inteiro estão sendo enviadas ao povo mexicano que, em quase duas semanas, sofre com o segundo terremoto que dissemina mortes, feridos e destruição.

O terremoto desta terça-feira (19), que aconteceu justamente no dia do aniversário daquele desastroso abalo sísmico de 1985, teve magnitude de 7,1 graus, com epicentro na região central do México, com tremor de terra sentido na Cidade do México. De fato, dezenas de prédios desabaram na capital, a energia elétrica foi interrompida e as autoridades continuam contabilizando o número de mortos e feridos com a tragédia. Num balanço ainda provisório, já são centenas de mortos e milhares de desabrigados no país e, na capital, uma escola desabou matando professores e mais de 30 crianças.

Da Espanha, os bispos transmitem ao povo mexicano e aos irmãos da Conferência Episcopal do México “sinceros sentimentos de dor pela catástrofe ocorrida e de esperança pela rápida restauração”. O Cardeal Ricardo Blázquez Pérez, presidente da Conferência Espanhola, prega por Nossa Senhora de Guadalupe, padroeira do México, e deseja que o “mistério de Cristo, morto e ressuscitado, ilumine todos na escuridão deste difícil momento”.

Da Itália, a solidariedade também vem da Caritas que ajuda a Igreja mexicana desde a tragédia da década de 80, através de projetos de emergência, reconstrução e desenvolvimento. Com apoio da rede internacional, a entidade já está dando respostas concretas aos mais necessitados do terremoto desta terça.

A Conferência Episcopal do México, enfim, convida todos à oração e à solidariedade com as pessoas atingidas, agradecendo, em especial, os milhares de voluntários que, “unindo as suas mãos, formaram uma rede de vida”. (AC)

Fonte: Rádio Vaticano